Editoriale
TESTO IN ITALIANO   (Texto em portugĂ»es)

Cari Lettori, apriamo doverosamente questo primo numero del 2015 con l'omaggio a un grande uomo, coraggioso intellettuale brasiliano, che ha scelto di vivere in Italia circa venti anni fa, amico, divulgatore e creatore di vita culturale in Brasile e in Italia: Julio Monteiro Martins che ci ha lasciato il 24 dicembre 2014. Una notizia arrivata al'improvviso e totalmente inaspettata. Continueremo a divulgare sempre la sua opera preziosa e riproponiamo "Saudade", un racconto che definì "metaletterario",  e che scrisse apposta per la rivista Sarapegbe nel 2012.

Passiamo poi ad un articolo sulla inaugurazione del Memoriale Jorge Amado e Zélia Gattai in Brasile, a Salvador, nel quartiere di Rio Vermelho. La casa dove hanno vissuto per tanti anni è stata ristrutturata ed è divenuta un Museo: un importantissimo avvenimento che aspettavamo da tanti anni e che finalmente è diventato realtà per tutti i lettori e amanti della loro opera. Dedichiamo, poi, un articolo al grande Paulo Freire, ricordando il suo pensiero fondamentale per l'uguaglianza e i diritti sociali,  in un testo dal titolo "Paulo Freire e la pronuncia del mondo" di José Edemilson Pereira dos Anjos.

Un articolo in esclusiva per la nostra rivista e ricco di incredibili novità vi porterà poi dritti nella storia del Brasile, grazie alle approfondite ricerche di Andrea Lilli, curatore della rubrica "Boa Sorte", rivelandovi dati e avvenimenti finora sconosciuti: la partecipazione di alcuni italiani nella rivolta della Sabinada di Bahia nel secolo XIX.

Proseguiamo quindi con un articolo di Elisabetta Castiglioni su una importante mostra fotografica che si sta tenendo a Roma, sulla storia del Pranzo di Famiglia: trent'anni di vita italiana che ruotano attorno a questo fondamentale momento conviviale, culturale e simbolico. E dal Brasile proviene una intervista esclusiva di Lidia Pena al più interessante rapper del momento: Criolo, che già abbiamo applaudito varie volte in Italia.

Vi racconteremo, poi, la storia dell'"Associazione Culturale Igea" che attua nel centro e in alcuni quartieri nord della città di Roma per coinvolgere i cittadini e migliorare la vita democratica, realizzando  anche iniziative culturali come il concorso "In Poche Parole".

Segue la rubrica "Il Libro del Mese" con una recensione del libro
Il presidente impossibile, Pepe Mujica: da guerrigliero a presidente” di Nadia Angelucci e Gianni Tarquini (ed. Nova Delphi, Collana Viento del Sur), la prima biografia pubblicata in Italia su uno dei politici più straordinari della storia.

E infine L'"Angolo della Poesia" nel quale vi suggeriamo la lettura della poesia "Libro della Vita di Raul de Taunay, che appare per la prima volta, anche in traduzione italiana.

Buona Lettura!
                      Antonella Rita Roscilli

-------------------------------------------------------------------------------


TEXTO EM PORTUGĂ›ES   (Testo in italiano)

EDITORIAL

Caros Leitores,
abrimos este novo número, primeiro do ano 2015, com uma homenagem a um grande homem, corajoso intelectual brasileiro, engajado na vida socio-politica, que há vinte anos 
decidiu de viver na Itália. Amigo, conselheiro e criador de vida cultural de alta qualidade tanto no Brasil como na Itália: Julio Monteiro Martins. Se foi em 24 de dezembro de 2014 e deixa uma obra literária imensa e importante. Vamos continuar nos anos a divulgar sua obra e seu pensamento. Apresentaremos  "Saudade", um conto  que ele definiu "conto metaliterário" e que escreveu propositalmente para esta revista em 2012.

E continuamos com um artigo sobre a inauguração do Memorial Jorge Amado e Zélia Gattai no Brasil, em Salvador, no bairro do Rio Vermelho, na casa onde a familia viveu por muitos anos e que foi restaurada e aberta como Museu. Trata-se de um evento importante, que esperamos há muitos anos e que finalmente se tornou uma realidade para todos os leitores e amantes de seu trabalho.

A Paulo Freire è dedicado um artigo que explica de forma clara e direta o pensamento dele, fundamental ferramenta para a aplicação dos direitos humanos e tendo em vista como objetivo a igualdade social: "Paulo Freire e a pronúncia do mundo", de José Edemilson Pereira dos Anjos.

Um outro artigo exclusivo, em seguida, nos levarà direto para a história do Brasil, graças a uma extensa pesquisa feita por Andrea Lilli, que cuida da coluna "Boa Sorte". Através de dados e livros aprenderemos novidades sobre um acontecimento até agora desconhecido: a participação de alguns italianos na guerra da Sabinada, na Bahia do século XIX.

Nossa leitura continua com um artigo de Elisabetta Castiglioni sobre uma exposição fotográfica que está sendo realizada em Roma: a história do Almoço de Família, trinta anos de vida italiana, que giram em torno desta fundamental forma de convívio italiano, cultural, educativa e simbólica.

E do Brasil vem uma reportagem exclusiva de Lidia Pena com Criolo, o mais interessante rapper brasileiro destes ultimos anos, já aplaudido várias vezes na Itália. Vamos contar depois a história da "Associação Cultural Igea" que atua em alguns bairros da cidade de Roma, para envolver os cidadãos e melhorar a vida democrática, também com iniciativas culturais como o concurso liter
ário "In Poche Parole". 

Segue o "Livro do Mês" , com uma resenha do livro "Il Presidente impossibile, Pepe Mujica: dalla guerriglia a presidente" de Nadia Angelucci e Gianni Tarquini (ed. Nova Delphi, Coletânea Viento del Sur.). Trata-se da primeira biografia, publicada na Itália, de um dos mais extraordinários políticos da história atual.
E, finalmente, "O Canto da Poesia" em que sugerimos a leitura do intenso poema "Livro da Vida" de Raul de Taunay, que aparece pela primeira vez, também em tradução italiana.

Boa Leitura!        
                  Antonella Rita Roscilli